Brazil to hit inflation target if rate cuts start in June, central bank chief says



(Recasts with comments on monetary policy after news conference)

By Marcela Ayres

BRASILIA, Sept 29 (Reuters) - Brazil's central bank expects to hit its inflation target based on calculations, including a market forecast for interest rate cuts beginning next June, central bank chief Roberto Campos Neto said on Thursday.

Policymakers have said rates will stay high for a "sufficiently long period" to bring inflation down to around the target over the central bank's policy horizon, which includes 2023 and, to a lesser extent, 2024.

The central bank's inflation target is 3.25% for 2023 and 3.00% for 2024. Inflation in Brazil is currently running at an annualized rate of about 8%.

Discussing the central bank's quarterly inflation report at a news conference, Campos Neto flagged that its weekly survey of private economists points to a first rate cut in June. Under that scenario, he said, "we show that we achieve our goals."

Still, Campos Neto said it is too early to think about monetary easing. Last week, the central bank decided to pause an aggressive tightening cycle after 12 straight increases lifted the benchmark rate to 13.75% from a record-low 2% in March 2021.

The central bank has stressed that it will remain vigilant and not hesitate to resume the rate hikes if disinflation does not happen as expected.

The central bank's inflation report also boosted the growth outlook for 2022 to 2.7% from 1.7% previously, based on better-than-expected activity in the second quarter, along with fiscal stimulus that has not yet been reflected in growth figures.

Policymakers said they were looking into the impact of a larger welfare program for low-income families through December, along with tax cuts on fuel and energy.

Congress passed both measures in the run-up to next month's presidential election, in which far-right President Jair Bolsonaro is trailing former President Luiz Inacio Lula da Silva, a leftist.

The central bank also predicted that Latin America's largest economy will expand by 1.0% in 2023, as domestic demand cools alongside a global slowdown and high borrowing costs in Brazil.
Reporting by Marcela Ayres Editing by Brad Haynes, Steven Grattan and Paul Simao

Isenção de Responsabilidade: As entidades do XM Group proporcionam serviço de apenas-execução e acesso à nossa plataforma online de negociação, permitindo a visualização e/ou uso do conteúdo disponível no website ou através deste, o que não se destina a alterar ou a expandir o supracitado. Tal acesso e uso estão sempre sujeitos a: (i) Termos e Condições; (ii) Avisos de Risco; e (iii) Termos de Responsabilidade. Este, é desta forma, fornecido como informação generalizada. Particularmente, por favor esteja ciente que os conteúdos da nossa plataforma online de negociação não constituem solicitação ou oferta para iniciar qualquer transação nos mercados financeiros. Negociar em qualquer mercado financeiro envolve um nível de risco significativo de perda do capital.

Todo o material publicado na nossa plataforma de negociação online tem apenas objetivos educacionais/informativos e não contém — e não deve ser considerado conter — conselhos e recomendações financeiras, de negociação ou fiscalidade de investimentos, registo de preços de negociação, oferta e solicitação de transação em qualquer instrumento financeiro ou promoção financeira não solicitada direcionadas a si.

Qual conteúdo obtido por uma terceira parte, assim como o conteúdo preparado pela XM, tais como, opiniões, pesquisa, análises, preços, outra informação ou links para websites de terceiras partes contidos neste website são prestados "no estado em que se encontram", como um comentário de mercado generalizado e não constitui conselho de investimento. Na medida em que qualquer conteúdo é construído como pesquisa de investimento, deve considerar e aceitar que este não tem como objetivo e nem foi preparado de acordo com os requisitos legais concebidos para promover a independência da pesquisa de investimento, desta forma, deve ser considerado material de marketing sob as leis e regulações relevantes. Por favor, certifique-se que leu e compreendeu a nossa Notificação sobre Pesquisa de Investimento não-independente e o Aviso de Risco, relativos à informação supracitada, os quais podem ser acedidos aqui.

Usamos cookies para lhe dar a melhor experiência no nosso website. Ler mais ou alterar as configurações de cookies.

Aviso de risco: O seu capital está em risco. Os produtos alavancados podem não ser adequados para todos. Recomendamos que consulte a nossa Divulgação de Riscos.