U.S., Britain launch energy partnership to boost supplies



LONDON, Dec 7 (Reuters) - The United States and Britain announced on Wednesday an energy partnership aimed at sustaining a higher level of liquefied natural gas (LNG) exports to Britain and collaborating on ways to increase energy efficiency.

Britain and other European countries have turned to the United States as they try to reduce their reliance on Russian energy supplies following Moscow's invasion of Ukraine begun in February.

"This partnership will bring down prices for British consumers and help end Europe's dependence on Russian energy," British Prime Minister Rishi Sunak said in a statement.

The "UK-US Energy Security and Affordability Partnership" will also aim to drive investment in clean energy and exchange ideas on energy efficiency and reducing demand for gas.

Household energy bills have hit record highs this year following Russia’s invasion of Ukraine forcing the UK government to cap costs and subsidise the difference, a measure analysts forecast could cost up to 42 billion pounds ($51 billion) over the 18 months the cap is in place.

Western countries are also attempting to cap how much Russia can profit from the rise in energy costs that has followed its invasion of Ukraine.

The G7 - which includes Britain and the United States - has agreed a $60 per barrel price cap on Russian seaborne crude oil.

The United States became the world's largest LNG exporter in the first half of 2022, U.S. Energy Information Administration data showed as the country rapidly increased its export capacity and high prices, particularly in Europe led to higher exports.

Britain said the United States would aim to export 9-10 billion cubic metres of LNG over the next year under the agreement, maintaining the increase in exports seen this year.

Refinitiv Eikon data showed Britain has imported around 11 billion cubic metres (bcm) of gas from the United States so far in the first 11 months of 2022, up from 4 bcm in 2021.

Sunak met U.S. President Joe Biden at the G20 in Indonesia last month, where Sunak highlighted the importance of the United States as an economic partner even without a free trade deal. Talks on a free trade agreement are suspended.

On Wednesday, Junior Trade Minister Greg Hands will begin a visit to the United States, where he is announcing a memorandum of understanding on trade with South Carolina, the third such agreement with a U.S. state aimed at boosting trade missions and sharing expertise.

($1 = 0.8201 pounds)
Reporting by Alistair Smout and Susanna Twidale; editing by Barbara Lewis

Isenção de Responsabilidade: As entidades do XM Group proporcionam serviço de apenas-execução e acesso à nossa plataforma online de negociação, permitindo a visualização e/ou uso do conteúdo disponível no website ou através deste, o que não se destina a alterar ou a expandir o supracitado. Tal acesso e uso estão sempre sujeitos a: (i) Termos e Condições; (ii) Avisos de Risco; e (iii) Termos de Responsabilidade. Este, é desta forma, fornecido como informação generalizada. Particularmente, por favor esteja ciente que os conteúdos da nossa plataforma online de negociação não constituem solicitação ou oferta para iniciar qualquer transação nos mercados financeiros. Negociar em qualquer mercado financeiro envolve um nível de risco significativo de perda do capital.

Todo o material publicado na nossa plataforma de negociação online tem apenas objetivos educacionais/informativos e não contém — e não deve ser considerado conter — conselhos e recomendações financeiras, de negociação ou fiscalidade de investimentos, registo de preços de negociação, oferta e solicitação de transação em qualquer instrumento financeiro ou promoção financeira não solicitada direcionadas a si.

Qual conteúdo obtido por uma terceira parte, assim como o conteúdo preparado pela XM, tais como, opiniões, pesquisa, análises, preços, outra informação ou links para websites de terceiras partes contidos neste website são prestados "no estado em que se encontram", como um comentário de mercado generalizado e não constitui conselho de investimento. Na medida em que qualquer conteúdo é construído como pesquisa de investimento, deve considerar e aceitar que este não tem como objetivo e nem foi preparado de acordo com os requisitos legais concebidos para promover a independência da pesquisa de investimento, desta forma, deve ser considerado material de marketing sob as leis e regulações relevantes. Por favor, certifique-se que leu e compreendeu a nossa Notificação sobre Pesquisa de Investimento não-independente e o Aviso de Risco, relativos à informação supracitada, os quais podem ser acedidos aqui.

Usamos cookies para lhe dar a melhor experiência no nosso website. Ler mais ou alterar as configurações de cookies.

Aviso de risco: O seu capital está em risco. Os produtos alavancados podem não ser adequados para todos. Recomendamos que consulte a nossa Divulgação de Riscos.